Pular para o conteúdo

GELÉIA DE MOCOTÓ

A GELÉIA DE MOCOTÓ é feita a partir do extrato protéico bovino retirado do tutano do osso do boi. A geléia é feita adicionando açúcar e outros ingredientes. É um produto de coloração marrom, textura geleificada firme, com sabor e odor característicos. Pelo seu modo de elaboração e características organolépticas é comum acreditar-se que as geléias de mocotó são ricas em proteínas. Entretanto o produto apresenta baixo teor protéico, sendo mais representativo em sua constituição a quantidade de carboidratos. Sua principal utilização é para fins energéticos.

A geléia de mocotó é fonte energia além de ser fonte de vitaminas antioxidantes que previnem o envelhecimento e doenças como câncer, sendo elas a vitamina A, D, E e K. O mocotó ainda apresenta em sua constituição o zinco, mineral que apresenta ação no desenvolvimento e melhoramento do sistema nervoso central.

DOCE DE MOCOTÓ

Sabe aquele docinho branco e rosa?

Ele é batizado de doce de mocotó, palavra que em tupi significa patas sem casco. O ingrediente principal era utilizado na alimentação dos escravos no século XIX, por ser rico em proteínas e aminoácidos.

Mas, atenção ao rótulo na hora de comprar o doce. A maioria deles não leva mocotó e é feito apenas de gelatina.

Receitas de Geléia de Mocotó

Receita (1)

Cozinhar o pé de boi durante cerca de 12 horas, em fogão a lenha. Descarte os ossos e aproveite a massa que vai se soltar durante o cozimento. Bater no liquidificador e passar em uma peneira bem fina. Despeje num tacho, adicione o açúcar, o leite, o cravo e a canela. Deixe no fogo até que atinja o ponto, que é semelhante ao de doce de leite. Deixar esfriar e bater a mistura com uma colher, por, aproximadamente, 15 minutos. Colocar numa fôrma e esperar até o dia seguinte para retirar a geléia.

Receita (2)

Ingredientes

• 1 kg de mocotó bovino cortado em rodelas
• 2 xícaras (chá) de açúcar cristal
• 2 copos médios de vinho branco
• 3 pauzinhos de canela
• 1 colher (sobremesa) de cravo - da - índia
• 1 colher (chá) de canela em pó
• 1 colher (chá) de noz - moscada ralada
• 3 claras batidas em neve firme

Modo de Preparo

Ferva ligeiramente os mocotós com água e um pouco de vinho branco, para tirar o cheiro. Escorra a água e cozinhe os mocotós com bastante água (3 a 4 l) em panela de pressão, por aproximadamente 3 h, ou até que soltem os ossos e estes fiquem branquinhos. Durante o cozimento, complete a água se precisar. Depois de cozido, coe em um pano, reservando o caldo em uma vasilha. Levar esse caldo à geladeira até que fique firme. Retire então com uma colher, toda a gordura que ficou na superfície da gelatina, e passe um guardanapo de papel por cima, para limpar bem a gordura. Coloque em uma panela, junte o açúcar, o vinho, as especiarias e as claras em neve. Leve ao fogo e deixe ferver por 15 minutos e coe novamente em um pano. Coloque em copos ou tacinhas e leve à geladeira para endurecer.

Informações Adicionais

A quantidade de açúcar é variável, dependendo de se querer mais ou menos doce.